Diretores João e Elisângela vencem a Covid-19 e retomam suas atividades

É com muito orgulho que anunciamos a retomada das atividades de nossos diretores João Evangelista da Costa Filho e Elisângela Lima de Araújo. Eles estiveram em quarentena por terem contraído o novo Coronavírus. Após cumprirem a quarentena e todo período de medicação e cuidados necessários, eles estão de volta ao Sindicato. E isso ocorre com total segurança para eles e para os demais colaboradores da entidade. Uma vitória a ser comemorada e, para isso, abrimos espaço para cada um registrar um depoimento aqui no nosso site.

Acompanhem abaixo as declarações de cada um:

João Evangelista da Costa Filho

Assim que deixei o isolamento, minha primeira inciativa foi procurar orientação médica novamente para receber saber como proceder e assegurar a saúde dos meus familiares e no trabalho. Agora que passei por isso, ainda mais do que antes, estou trabalhando na conscientização das pessoas para entenderem que a doença é muito séria e que a população precisa colaborar para que possamos vencer a pandemia e voltar à vida normal.”

Elisângela Lima de Araújo

Agora é tomar os suplementos e vitaminas que o médico me prescreveu para melhorar minha imunidade, que estava muito baixa. Devagarzinho foi dando tudo certo. Agradeço o apoio dos companheiros do Sindicato e dos meus familiares e amigos Isso fez toda a diferença. Como não tem vacina ainda, vamos ter de aguardar a cura definitiva para ficarmos todos mais seguros.”

LEIA TAMBÉM

Diretoria do SSPMS continua com as visitas. Fale conosco, iremos até seu trabalho 

O SSPMS prossegue com o trabalho de visitas a fim de fiscalizar e ouvir os Servidores. Nossos diretores continuam o trabalho que iniciou na última semana e que tem como objetivo percorrer toda a base. Lembramos dos cuidados necessários para as medidas de segurança e saúde, além do distanciamento social, estão sendo tomados, uso de máscaras e higienização constante com álcool em gel. Estivemos hoje (23) na Escola Municipal José Braz Neto, Monte Cristo, e também na Unidade Básica da Saúde da Família… leia a matéria na íntegra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *